WEBi Desde 1998

Blog

Facebook Watch, plataforma de streaming para produtores de conteúdo, é lançada mundialmente

Mais uma vez inovando e apostando em novas funcionalidades em sua plataforma, o Facebook lançou mundialmente o Facebook Watch, no último dia 29 de agosto. A função já estava sendo utilizada há pouco mais de um ano nos Estados Unidos e, agora, está disponível no mundo todo.

O Facebook Watch chegou para concorrer com grandes empresas de streaming, como Netflix e Youtube. Trata-se de um serviço audiovisual que foi divulgado pelo diretor de produto do Facebook, após a empresa notar que os usuários gostam de assistir vídeos ao acaso ao rolar a barra pelo feed de notícias.

Ficou curioso para saber mais sobre essa nova funcionalidade do Facebook? Então, acompanhe nosso texto abaixo.

Como funciona o Facebook Watch?

O Facebook Watch disponibiliza uma gama de vídeos e programas produzidos por criadores de conteúdos virtuais e permite que os usuários escolham os assuntos que mais os interessam. É uma maneira de conectar produtores com uma audiência qualificada, além de encontrar com mais facilidade novas pessoas interessadas nos conteúdos que estão sendo produzidos.

A ferramenta conta com um feed próprio, então fique tranquilo, que ela não irá interromper a timeline principal do Facebook. Quando você quiser acessá-la, basta abrir a aba do Facebook Watch. Ao acessar, o usuário irá se deparar com duas páginas: a Discover e a WatchList.

Discover

A Discover funciona da mesma forma que o feed normal do Facebook: descendo ou subindo a barra de rolagem para ver os conteúdos. A diferença é que ela oferece a opção de procurar novos vídeos e descobrir novos conteúdos.

Essa funcionalidade disponibiliza canais e vídeos que estão fazendo sucesso no mundo todo ou vídeos ao vivo que apresentam alta interação. Para que o usuário não fique perdido no meio de tanta informação, a Discover separa os vídeos em seções e categorias.

Dessa forma, o usuário pode encontrar conteúdos em três categorias principais: vídeos com mais comentários, vídeos que estão alegrando as pessoas e vídeos que seus amigos estão assistindo.

WatchList

Na WatchList, o usuário irá encontrar conteúdos personalizados, disponibilizados de acordo com as preferências de cada pessoa. Se você acompanhar uma série, por exemplo, quando um novo episódio for lançado, ele irá aparecer na WatchList.

Também é possível descobrir novos vídeos e canais de acordo com seus interesses, já que essa funcionalidade mostra conteúdos de acordo com o que você interagiu, curtiu ou comentou.

Por que o Facebook está apostando no Watch?

Se pararmos para pensar, o Facebook não é uma rede que acessamos para pesquisar vídeos ou assistir nossa série favorita, certo? Para isso, existem os gigantes mundiais Youtube e Netflix. Então, qual a intenção do Facebook ao lançar o Facebook Watch?

Os vídeos são um dos formatos de mídia mais consumidos atualmente e a tendência é que ele ganhe ainda mais destaque nos próximos anos. De olho nessa tendência, o Facebook quer oferecer um espaço exclusivo para que os usuários assistam a conteúdos nesse formato.

Ao criar essa funcionalidade, o Facebook pretende atrair mais usuários para a plataforma e garantir que eles passem o maior tempo possível dentro da rede social. Seria uma forma de oferecer conteúdo exclusivo, relevante e segmentado, beneficiando empresas e produtores de conteúdo que podem distribuir seus vídeos na rede e alcançar uma audiência significativa.

Mas, sobretudo, é uma maneira de gerar mais receita para o Facebook, por meio dos anúncios publicitários.

Quais conteúdos são relevantes?

O Facebook Watch disponibiliza diversos tipos de conteúdos que vão desde séries e programas culinários até transmissões ao vivo de eventos esportivos, por exemplo. Como o lançamento mundial aconteceu recentemente, é difícil mensurar quais conteúdos são mais acessados ou vistos.

Nos Estados Unidos, como a funcionalidade já está disponível há mais de um ano, o Facebook lançou alguns programas próprios na plataforma para medir o alcance e impacto dos vídeos nos usuários. Além disso, está fazendo testes em parceria com algumas gigantes do mercado, como o Buzzfeed.

Apesar de não ter um conteúdo específico de maior sucesso, o Facebook divulgou alguns tipos de vídeos que podem ser bem sucedidos. Confira!

– Programas que geram engajamento com o público

– Transmissões ao vivo que geram interesse nos espectadores e se conectam com seus interesses

– Produções com temas consistentes e uma narrativa envolvente

– Eventos de pequeno porte que visam unir e engajar comunidades

O Facebook Watch chegou para revolucionar o modo como consumimos vídeos em uma das maiores redes sociais do mundo. Será que essa nova funcionalidade vai conquistar os usuários da rede? Vamos aguardar!

Gostou do conteúdo? Compartilhe em suas redes sociais. E não deixe de nos seguir no Facebook e Instagram para ficar por dentro de nossas novidades, dicas e conteúdos exclusivos.

comentários
Voltar para o blog
Posts recentes