WEBi Desde 1998

Blog

Os últimos suspiros do Orkut

Seu fim já era previsto, mas não com tanta comoção entre os fãs! Bastou o Google anunciar oficialmente esta semana a descontinuidade do Orkut, a primeira rede social a fazer sucesso no Brasil e no mundo, que a polêmica se formou. Enquanto alguns lembraram que ainda tem perfil por lá (abandonado), os inconformados foram a luta e já criaram um abaixo assinado digital que conta com mais de 50 mil assinaturas, pedindo a manutenção do serviço.

A maior preocupação dos quase órfãos da famosa rede é com o encerramento das chamadas comunidades que abrigam fóruns especializados em diversos nichos, como “Eu odeio acordar cedo” com seis milhões de membros ou “Amo ouvir música alta” que tem mais de dois milhões e setecentos mil fãs. Mesmo com a supremacia e presença no Facebook, muitos orkuteiros continuam postando diariamente e alimentando estas conversas.

O Google já avisou que pretende concentrar esforços em outras plataformas que ultrapassaram o Orkut, como YouTube, Blogger e Google +. Também promete manter um arquivo público online com o conteúdo das comunidades a partir de 30 de setembro, quando o serviço deixará de ser oferecido.

Outras opções que a empresa está sugerindo para os usuários é exportar fotos para o Google+ ou salvar os posts no computador. Também é possível vincular a conta do Orkut ao Plus seguindo o caminho Configurações>Google+>Conectar seus perfis do Google+ e Orkut>Conectar contas.

Nem mesmo o endereço “orkut.com”deverá ser mantido, pois o domínio pertence ao engenheiro turco que criou a rede em 2004, Orkut Büyükkökten, e deixou o Google há quatro meses.

Enquanto o Orkut dá seus últimos suspiros, lembramos aqui de outra rede social que fez sucesso e também deixou de existir no ano passado, o MSN, que pertenceu à Microsoft e foi substituído pelo Skype. O “Era uma vez…” ganha mais um capítulo na transformadora história da internet.

 

comentários
Voltar para o blog
Posts recentes