WEBi Desde 1998

E-commerce: 5 erros que você deve passar bem longe

Você já parou para pensar em como o e-commerce facilitou nossa vida? Se antes era necessário sair de casa para encontrar produtos, pesquisar preços, condições de pagamento e tantas outras atividades que envolvem um processo de compra, hoje é possível fazer tudo isso sem sair de casa, ao alcance de poucos cliques.

A maneira de fazer compras ficou muito mais simples e prática, e com cada vez mais brasileiros optando por essa forma de consumo, o e-commerce virou uma tendência que está em constante crescimento. Para se ter uma ideia, em 3 anos, o número de lojas virtuais aumentou quase 100%, passando de 360 mil em 2014 para 600 mil em 2017.

Apesar desse forte crescimento e dos números altos, você sabia que cerca de 60% dos e-commerces fecham antes de completar um ano? Pois é! Criar seu e-commerce pode ser uma tarefa simples, mas mantê-lo funcionando de forma positiva e com bons resultados pode ser um desafio.

E para que você não seja mais um número para essa estatística, listamos 5 erros que devem ser evitados. Confira!

1 Visual pouco atrativo ou inadequado

A página inicial de seu e-commerce funciona como uma espécie de vitrine para o consumidor. Se ele não gosta do que vê logo de cara, a tendência é que ele saia da página após alguns segundos, mesmo que seus produtos sejam de qualidade e interessantes para aquele usuário.

Lembre-se que a primeira coisa que analisamos quando entramos em um site pela primeira vez é a parte visual, que envolve o design, layout e outros elementos que fazem parte desse conjunto. Portanto, um site com um visual pouco atrativo ou inadequado é o primeiro erro que você está cometendo em sua loja virtual, desperdiçando oportunidades de venda e perdendo consumidores de alto potencial.

2 Informações insuficientes

Quando um consumidor acessa a página de um produto específico, ele quer saber todas as informações necessárias para decidir se irá optar ou não por aquela compra. Muitas lojas de e-commerce acabam pecando nesse sentido, ao não oferecer informações detalhadas e precisas na descrição do produto, como medidas, cores e informações técnicas. Na dúvida, o consumidor pode acabar não concluindo a compra.

Mas não são apenas as descrições dos produtos que precisam de uma atenção especial em relação às informações. Regras de troca e devolução, condições de pagamento e informações gerais sobre a empresa, por exemplo, contam muito para que o consumidor opte por realizar uma compra de seu negócio. E se ele não encontra essas informações ou se elas são insuficientes, dificilmente o processo de venda será concluído.

3 Imagens de baixa qualidade

Com certeza você já ouviu aquele ditado que diz que uma imagem vale mais que mil palavras. E em se tratando de e-commerce, esse ditado faz todo sentido. Como o consumidor não pode ver pessoalmente, nem tocar o produto que pretende comprar, ele quer, ao menos, conhecer todas as características e detalhes através das imagens disponíveis.

E se você não oferece imagens nítidas e objetivas do seu produto, com diferentes ângulos, possibilidade de zoom e outros fatores que mostrem o produto de maneira clara, sua loja pode estar perdendo muitas vendas. Afinal, que consumidor vai arriscar comprar um produto sem conhecê-lo a fundo?

4 Atendimento falho

Durante o processo de compra, é comum que apareçam dúvidas nos usuários sobre algum aspecto que não ficou tão claro. E, se ao procurarem um canal de atendimento e não o encontrarem na página de seu e-commerce, aumenta-se as chances de que você perca uma venda simplesmente porque não tirou uma dúvida do consumidor.

Oferecer atendimento rápido e personalizado é fundamental para garantir a satisfação do consumidor. Além de dar credibilidade à sua empresa, responder a uma simples dúvida do usuário pode ser um fator decisivo para que ele opte por fechar negócio com você.

5 Problemas na logística de entrega

Se um cliente realizou uma compra de seu e-commerce é porque ele sentiu confiança em seu negócio e percebeu a qualidade do produto. Ponto para você! E agora que a compra está praticamente finalizada você não quer decepcioná-lo na etapa final, certo? Mas é aqui que muitos e-commerces são falhos e acabam apresentando problemas na logística de entrega.

Prazos muito longos ou fretes muito caros não agradam ninguém. Quando o usuário se depara com esses problemas, ele pode desistir da compra na última hora. E mesmo se ele se submeter a isso, provavelmente não irá querer passar por esse problema de novo e dificilmente realizará uma nova compra de sua empresa.

 

Criar um e-commerce pode ser uma estratégia extremamente vantajosa para seu negócio. Mas para tirar o melhor proveito de sua loja virtual, é preciso muito planejamento, estudo prévio e profissionais capacitados para lidar com essa situação.

Aqui na WEBi já desenvolvemos vários sites de e-commerce, sempre pensando nas melhores estratégias para nossos clientes. E aí, que tal passar bem longe dos problemas que citamos acima? Então, vem pra WEBi! Estamos preparados para ajudar as vendas de seu e-commerce decolarem.

Restou alguma dúvida? Entre em contato conosco. E não deixe de nos seguir no Facebook, Instagram e LinkedIn para ficar por dentro de nossas dicas, novidades e conteúdos exclusivos.