WEBi Desde 1998

Como criar uma loja virtual para seu negócio?

Se você está lendo este texto, já deve ter feito uma compra pela internet em algum momento da sua vida. A tendência de fazer compras online é uma crescente que já faz parte da realidade de 93% dos brasileiros conectados à internet, segundo um estudo realizado pela agência Conversion. E se você é dono de um negócio e ainda não possui uma loja virtual, está perdendo vendas e deixando de conquistar muitos clientes.

Para se ter uma ideia, o e-commerce cresceu 12% em 2017 e a previsão é de que, este ano, ele cresça 15% em comparação com o ano anterior. Em um mundo cada vez mais digital, não dá para ignorar esse novo hábito do brasileiro que só tende a aumentar, não é mesmo?

Para conseguir se manter no mercado e conquistar uma posição sólida no segmento em que você atua, é preciso adequar seu negócio à essa nova realidade. Nesse cenário, criar uma loja virtual pode ser a solução para alavancar as vendas e melhorar os resultados de sua empresa.

Não sabe por onde começar? Calma que nós vamos te explicar! Confira abaixo o passo a passo para criar sua loja virtual.

1 Escolha e registre o domínio

Assim como para qualquer site, você deve criar um domínio para sua loja virtual. Pense em um nome que tenha relação com o tipo de produto que você oferece e evite colocar algo pessoal. No domínio, vale a pena utilizar uma palavra-chave relacionada à sua área de atuação e com bons volumes de pesquisa.

Feito isso, é hora de registrar o domínio. Uma das maneiras mais simples de realizar o processo de compra e registro do domínio é através do Registro.br.  Mas atenção: se o domínio que você escolheu já estiver registrado, ele não poderá ser seu. Será preciso criar um novo domínio que ainda não tenha sido registrado para garantir que tudo corra dentro das normas legais.

2 Defina a plataforma

A escolha da plataforma que você irá usar para sua loja virtual deve ser feita com base no projeto de identidade visual (vamos falar sobre isso mais abaixo), nas suas necessidades e no tipo de produto que você quer comercializar.

Escolha uma plataforma que ofereça boas opções de personalização e que seja ilimitada, permitindo que você adeque sua loja virtual conforme o crescimento das vendas. Além disso, uma boa plataforma deve oferecer todo o suporte necessário quando você precisar de algum tipo de auxílio.

3 Pense na identidade visual

Uma identidade visual bem feita faz toda a diferença na hora de decisão do consumidor. Estude as tendências de layout, design e veja quais são as melhores opções para seu negócio.

Escolher uma identidade visual só porque achou “bonitinha” não dá. Há todo um processo gráfico por trás que irá te ajudar a definir a melhor estratégia de identidade visual para sua loja virtual. Nesse momento, contar com a ajuda de quem entende do assunto é fundamental.

4 Faça a descrição completa dos produtos

Quando vamos fazer uma compra online queremos saber de cada detalhe do produto, certo? Por isso, na hora de colocar seus produtos no site, faça uma descrição completa dos mesmos, com informações como tamanho, funcionalidades, cores, preço, etc.

Além disso, capriche na imagem! O visual pode ser decisivo para que o consumidor opte ou não por fazer uma compra em sua loja virtual. Utilize imagens atrativas e de qualidade, mas cuidado para não fazer propaganda enganosa. Uma vez que o consumidor se sentir enganado, ele dificilmente irá realizar uma nova compra com você.

5 Escolha as formas de pagamento

Oferecer condições de pagamento seguras e com várias opções é um diferencial que conta muito para sua loja virtual. Cartão de crédito, paypal e boleto são as principais formas de pagamento utilizadas hoje em dia e que valem a pena serem incluídas em seu e-commerce.

Para quem está começando, no entanto, o mais recomendado é utilizar formas de pagamento realizadas por meio de intermediadores (geralmente bancos) para evitar fraudes e possíveis problemas na hora de efetuar o pagamento.

6 Cuide da segurança

Contar com ferramentas que garantam a segurança de sua loja virtual é interessante tanto para você, que evita fraude nas compras, quanto para os clientes, que têm seus dados preservados. Por isso, ao criar sua loja virtual, a segurança é um item que não deve ser deixado de lado, principalmente para lojas novas.

Uma maneira de garantir a segurança é por meio do certificado SSL, que ajuda a manter seu site seguro e protegido contra a ação de hackers e cibercriminosos.

7 Decida a forma de entrega

Quem compra pela internet quer receber o produto o quanto antes. E esse pode ser um ponto decisivo para o sucesso de sua loja virtual, afinal o cliente que fica esperando semanas para receber o produto geralmente fica insatisfeito com o tempo de espera.

A dica, aqui, é estudar as opções do mercado e analisar qual será a mais vantajosa para seu negócio. Geralmente, as lojas virtuais utilizam os Correios ou transportadoras para fazer as entregas. Para quem está iniciando no ramo, os Correios é a opção mais indicada, por ser prático e seguro.

 

 

Sabemos que o processo de criação de uma loja virtual não é simples e exige muito conhecimento técnico para que tudo possa ser feito da melhor forma possível. Mas, com as dicas acima, esperamos ter dado um panorama dos passos básicos para você criar sua loja virtual.

Recomendamos que todo o processo seja feito por especialistas que realmente entendam do assunto. Afinal, diante do crescimento desse mercado e do aumento do número de crimes virtuais, você vai querer uma loja virtual segura e que realmente promova um aumento no volume de vendas, certo?

Nós estamos aqui para isso! Dentre os módulos que oferecemos, está a criação de lojas virtuais para empresas de todos segmentos. Entre em contato conosco e solicite um orçamento sem compromisso. Vem pra WEBi!

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe em suas redes sociais. Para ficar por dentro de nossas novidades, dicas e conteúdos exclusivos basta nos seguir no Facebook e Instagram.

Obrigado e até a próxima!